Projeto de leituras realiza sessão pela primeira vez em Santa Cruz do Sul
Escritor Henrique Schneider lê e interpreta 12 de seus mais de 500 contos na Livraria Iluminura neste sábado, 22 de junho.
   
Neste sábado, dia 22, a cidade de Santa Cruz do Sul receberá o Leituras Feevale Contos da Vida Breve pela primeira vez. O projeto em que Henrique Schneider lê e interpreta 12 contos chega à Capital Nacional do Fumo para sessão na Livraria Iluminura às 10 horas.

Leia Mais

"Contos da Vida Breve" estreia em oito cidades gaúchas pelo Leituras Feevale
O município de 118 mil habitantes, conhecido por sua tradicional Oktoberfest, está sendo movimento para a leitura por um dos sócios da livraria, Bráulio Vogt. "Distribuímos convites e conversamos com nossos clientes e a maioria confirmou presença", conta. "Espalhamos a novidade ao máximo e esperamos um bom público."

O charmoso espaço no centro de Santa Cruz do Sul surgiu no ano de 2000, com a atual direção cuidando da livraria desde 2002. Hoje, é considerada referencial cultural para cidade e ponto de encontro de profissionais das mais diversas áreas. O local oferece também cafeteria, com cardápio diversificado que inclui carta de cafés, menu infantil, pratos da estação, saladas especiais, sanduíches quentes, quiches, tortas doces e salgadas e sucos.

O blog Não é um guia, de Giovanna Berti Previdi, cita o espaço como "um bom lugar para relaxar, tendo a leitura – livros, revistas e jornais – e um gostoso café como companhia". A fotografia abaixo é registro dela:



A Livraria Iluminura fica na rua Borges de Medeiros (esquina com a Marechal Floriano), 471, Centro. Veja o mapa aqui. Contatos podem ser feitos pelo telefone (51) 3056-2871, pelo Facebook ou pelo Twitter.

Projeto busca renovação


Nesta sétima edição do Leituras Feevale, realizada em parceria com a universidade hamburguense, o destaque fica com as cidades gaúchas nas quais ainda não esteve, categoria em que também se encaixam os municípios de Gramado, Santa Maria, Camaquã, Canoas, Morro Reuter, Canela e Rio Grande. Ao todo, Schneider passará por 13 cidades do Rio Grande do Sul (veja a programação completa aqui).

A estreia do projeto ocorreu na última terça-feira, dia 18, em Novo Hamburgo, cidade natal do escritor. O evento contou com casa cheia e clima intimista – o que pode parecer uma contradição, mas trata-se do objetivo das leituras neste ano: que sejam informais e, em geral, em lugares pequenos.
 
 

 


Prêmio que agraciou Henrique Schneider é um dos principais concursos do Brasil


Entrevista: o processo de criação de Setenta


Henrique Schneider palestra no Festival Literário dos Campos Gerais