Estudantes produzem curta-metragem baseado em conto de Henrique Schneider
”A partir de agora” foi inspirado no texto “Presente”, que faz parte do livro “A vida é breve e passa ao lado”.
   
Prêmios de melhor roteiro, melhor fotografia, melhor curta e melhor curta – voto popular. Estas foram as recompensas para um trabalho de sete estudantes do Centro Sinodal de Ensino Médio Dorothea Schäfke, em Taquara (RS): o curta-metragem A partir de agora.

Inspirado no conto Presente, de Henrique
Schneider, o filme participou do Festival de Vídeos do Dorothea, mostra no cinema da cidade que integra o Doroarte da Escola. A exibição ocorreu em julho do ano passado – quando foram entregues os Dorokitos, premiações para os destaques do evento. O trabalho foi realizado de forma interdisciplinar, incluindo as aulas de Língua Portuguesa, Literatura, Redação, Geografia, História, Sociologia e Filosofia.

As alunas Júlia Gabriela Klein, Júlia Ew, Ana Carolina, Eduarda Dias, Eduarda Foscarini, Gabriela Furlanetto e Natália Fagundes, agora no segundo ano do Ensino Médio, receberam a tarefa de produzir um curta a partir de uma obra artístico-literária gaúcha no início do ano letivo de 2014. Fizeram roteiro, curta, cartaz de divulgação, teaser e ficha técnica.

"Cada uma leu um livro e defendeu o uso de um texto para o cumprimento da tarefa", conta Angela Cristine Soder, professora de Língua Portuguesa da instituição. As estudantes decidiram-se por A vida é breve e passa ao lado, do qual o conto faz parte.

Leia mais sobre o livro A vida é breve e passa ao lado

"A atividade é desenvolvida na escola já há alguns anos, mas, a partir de 2010, os curtas e documentários passaram a ser exibidos durante a semana do Doroarte, no cinema. A obra do escritor é sempre trabalhada e indicada como leitura para os educandos", salienta Angela. Schneider já participou de bate-papos de Feiras do Livro no colégio Dorothea Schäfke em duas edições.

Leia o conto Presente

Assista ao curta A partir de agora:




FOTO: reprodução / A partir de agora

> Notícia publicada em 04/04/2015.
 
 

 


Prêmio que agraciou Henrique Schneider é um dos principais concursos do Brasil


Entrevista: o processo de criação de Setenta


Henrique Schneider palestra no Festival Literário dos Campos Gerais