Literatura solidária: Henrique arrecada donativos às vítimas da chuva no Rio
Escritor hamburguense faz sessão de leitura dos contos da Vida Breve nesta quarta-feira, dia 19, no Centro Municipal de Cultura.
   
Durante o ano, Henrique Schneider circula pelo Brasil lendo e interpretando ao vivo os contos da Vida Breve. Difundir a literatura é sua meta. E é assim desde 2007. Já esteve no Rio de Janeiro, inclusive. Desta vez, a leitura é em Novo Hamburgo mesmo, cidade natal do escritor, e o motivo um pouco diferente: solidariedade.
A sessão de leitura ocorre no Centro Municipal de Cultura, nesta quarta-feira, dia 19, a partir das 20 horas, em benefício às vítimas das chuvas na região serrana fluminense. A entrada é um donativo - roupas, materiais de higiene pessoal ou limpeza - e o evento tem apoio da Secretaria Municipal de Cultura de Novo Hamburgo.

Schneider faz questão de destacar a importância da presença de quem pretende ajudar as vítimas do maior desastre natural da história do Brasil. Até está segunda-feira, 17, já eram mais de 640 mortos. “Não cobramos entrada, nunca. Mas dessa vez, é por uma boa causa”, defende. “Sempre tenho alegria em fazer as leituras. Agora, estamos todos consternados. É apenas uma forma de fazer alguma coisa.” Vida Breve por vida longa ao Rio de Janeiro!

LEITURA DOS CONTOS DA VIDA BREVE
Em benefício às vítimas das chuvas no Rio de Janeiro
Quando: Quarta-feira, dia 19 de janeiro
Horário: 20 horas
Onde: Centro Municipal de Cultura de Novo Hamburgo
(Rua Engenheiro Inácio Cristiano Plangg, 66, Centro – NH)
Entrada: Roupas, materiais de higiene pessoal ou limpeza

Vida Breve - Henrique Schneider escreve há quase oito anos contos publicados na coluna Vida Breve, do jornal ABC Domingo. Em 2007, começou a lê-los e interpretá-los, ao vivo, no projeto Leituras Feevale Contos da Vida Breve. Com patrocínio da universidade hamburguense, já esteve em cidades como Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Montevidéu e Buenos Aires.
 
 

 


Prêmio que agraciou Henrique Schneider é um dos principais concursos do Brasil


Entrevista: o processo de criação de Setenta


Henrique Schneider palestra no Festival Literário dos Campos Gerais